4 modelos de remuneração estratégica conheça as vantagens

4 modelos de remuneração estratégica conheça as vantagens

4 modelos de remuneração estratégica conheça as vantagens

De modo geral, os modelos de remuneração estratégica estão atrelados aos resultados e lucros da empresa. Esse tipo de remuneração sempre vem de forma complementar a remuneração fixa e como forma de gratificação e reconhecimento dos resultados atingidos. 

O conceito de remuneração estratégica se aplica em forma de premiação variando de acordo com as estratégias e planos traçados pela empresa 

Não se trata apenas de uma forma de aumentar a renda do profissional e sim uma estratégia para ajudar na valorização dos resultados. Para te ajudar nesta jornada em busca de aumentar o engajamento do seu time e valorizar os resultados já entregues, separamos modelos de remuneração estratégica para que você conheça as vantagens. Confira:  

1- Bônus 

Este é um dos modelos mais comum e usado nas empresas, principalmente para equipes de vendas em geral ou áreas que estão atreladas a metas. Basicamente, a empresa estipula um número desejado que precisa ser atingido para que o valor do bônus seja acrescentado ao pagamento do salário dos colaboradores. 

Vale ressaltar que o bônus não se trata de uma comissão de vendas, pois a comissão geralmente é mantida apenas para a área de vendas e com um percentual fixo de acordo com o número de vendas feito pelo vendedor. Já o bônus, pode ser aplicado para qualquer área da empresa e de acordo com qualquer meta estipulada, sendo um valor fixo ou não para um determinado resultado. 

Esse é um dos modelos de remuneração estratégica mais simples de ser implantado dentro de uma empresa, por isso é aplicado até em empresas de pequeno porte. Porém, ele pode ser aplicado nas empresas de maneira mais inteligente e assertiva, quando as metas  definidas e seus critérios estão atrelados a bonificação e ajuda a empresa a atingir de maneira mais fácil e assertiva seus objetivos estratégicos. 

2- Avaliação 360 graus

A avaliação 360 graus é uma metodologia que busca avaliar os colaboradores baseado no que eles acham de si mesmos, como a equipe em que faz parte e seus superiores e até mesmo clientes e parceiros o avaliam. Baseado nessas avaliações é dada uma nota para o profissional e esta nota pode ser usada como parâmetro para a remuneração estratégica. 

Geralmente muitas empresas unem outros modelos de remuneração estratégica com a avaliação 360 graus para que se tenha uma visão macro de como está o desempenho do profissional dentro de todas as áreas da sua jornada profissional. 

3- Meritocracia

A meritocracia é um excelente modelo de remuneração estratégica para as empresas que buscam a satisfação dos clientes e funcionários. Na meritocracia são definidos os indicadores de desempenho específicos que são importantes para o sucesso da empresa.

Quando a meritocracia é bem aplicada ela ajuda a filtrar os bons profissionais das empresas e consequentemente acaba influenciando na produtividade e contribuindo para o crescimento da empresa. 

Se você quiser saber mais sobre a meritocracia e sua importância, confira este artigo: O que é meritocracia e a importância para a sua gestão.

4- Gamificação

E por fim, chegamos ao último modelo de remuneração estratégica da nossa lista, ele é o mais moderno e tem ganhado espaço nas empresas, a gamificação. Ela incorpora elementos lúdicos de jogos que até já existem ao sistema de gestão de resultados escolhido pela empresa, desta forma os profissionais têm um engajamento maior através de uma competição mais saudável.

A gamificação além da  competitividade e recompensas através da remuneração estratégica e variável, oferece também uma forma de reconhecimento mais lúdica, através de: troféus, títulos, medalhas, categorias e entre outros tipos de prêmios que podem ser oferecidos para os colaboradores que fazem parte desta metodologia de desempenho. 

Agora que você já viu um pouco de cada um desses 4 modelos de remuneração estratégica e conheceu as vantagens defina qual deles melhor se encaixaria no seu modelo de gestão de desempenho.

Share on linkedin
Share on google
Share on facebook
Share on twitter

Outros artigos que podem te interessar

Metas de venda realistas: Como atingi-las.

Metas de venda realistas: Como atingi-las.

Já sabemos que as metas servem como um direcionamento para a força de vendas, e que quando são bem definidas e realistas ajuda sua empresa a alcançar os melhores resultados.  É exatamente as metas de vendas que vão mostrar onde o seu time de vendas precisa chegar e quais serão as ações necessárias para atingir

Metas de vendas: Como você deve defini-las.

Metas de vendas: Como você deve defini-las.

As metas são as responsáveis ​​pelo nosso planejamento e por determinar o quanto queremos crescer nos próximos meses, anos e ciclos em geral. Porém, você sabe como definir suas metas de vendas? Veja nossas dicas para te ajudar a criar as suas metas de vendas de forma eficiente.  No artigo de hoje, vamos falar sobre

O que é Follow-up e como deve ser feito.

O que é Follow-up e como deve ser feito.

No setor de vendas se fala muito sobre uma prática chamada follow-up, mas muitas pessoas têm a dúvida sobre o que é follow-up e como deve ser feito. Neste artigo, vamos responder estas e outras perguntas que surgem quando falamos sobre follow-up.  Afinal, o que é follow-up? Basicamente follow-up é uma ferramenta utilizada para o acompanhamento

Gostou? Inscreva-se para receber mais conteúdos como esses gratuitamente

    pt_BR